A.D.Q.C.

Links

Login Form

Recortes

 
 
   
 
   
 
 

attention open in a new window PrintE-mail

Todas as instituies tm no seu passado, um conjunto de acontecimentos que conduziram criao de uma Colectividade ao servio daqueles que constituem a comunidade onde se insere. A A.D.Q.C. no excepo e foi a partir de um conceito com um propsito diferente que se acabou por fundar uma Colectividade em que o nmero de praticantes tem aumentado de ano para ano, bem como a interaco com a comunidade.

 

A Constituio

A 3 de Agosto de 1974, realizou-se, no "Caf Po Quente" Lote 456, Boa gua uma Assembleia Democrtica de moradores e possuidores de lotes na Quinta do Conde, a fim de debater a forma de resolver os principais problemas que preocupavam os moradores da Quinta do Conde, entre os quais se destacavam a falta de gua e de electricidade. De acordo, com a acta dessa reunio, compareceram cerca de duzentas pessoas, tendo sido eleita uma Direco composta por: Joo Ferreira, Manuel Antunes Joaquim, Jos Augusto Santos, Manuel Jlio Carminho Cordeiro, Augusto Amador Polcia e Augusto Delmar Gonalves.Era muito vasto o tipo de assuntos que ento se discutiam nas reunies que se realizavam aos sbados na denominada sede provisria, com a presena de grande nmero de interessados.Na terceira reunio (17/8/74), decidiu-se criar a Associao para o Desenvolvimento da Quinta do Conde e iniciou-se a elaborao dos estatutos. A escritura de constituio foi realizada a 16 de Abril de 1975, subscrita por Jos de Jesus, Carlos Jos de Costa Junior e Norberto Martins Guerreiro.Durante ano e meio a Associao desempenhou relevante papel de porta-voz de algumas aspiraes da populao. A gesto da gua, a criao de um Posto de Sade, a criao da primeira Escola Primria, a distribuio domiciliria de Correio, foram algumas das batalhas travadas com sucesso.

As Sedes Provisrias

Entretanto a Associao a conhecendo sucessivas "Sedes Provisrias". No inicio de 1975 passou para os pavilhes escolares do Conde 3; Mais tarde, para os escritrios em frente ao Restaurante da Quinta do Conde. Funcionou tambm, entre outros locais, nos lotes 731, 789 e 993, todos na Boa gua. A partir de 1984 passou a funcionar na Avenida de Negreiros onde tem hoje o seu complexo desportivo.

Estatutos

Quando foi criada, a Associao inscreveu nos seus objectivos publicados no Dirio do Governo a 14 de Maio de 1975: "colaborar na promoo sciocultural e econmica dos moradores da Quinta do Conde, por iniciativas directas ou prestando, para o efeito, aos organismos oficiais a cooperao que lhe for pedida e permitida, designadamente propondo-lhes planos, estudos e sugestes para a concretizao daqueles objectivos e, em especial, para a criao de infra-estruturas de interesse colectivo, como sejam o estabelecimento ou o melhoramento da rede de gua potvel, Electricidade, Esgotos, instalao de Correios, Telefones, Escolas, Bibliotecas, Mercados, Jardins, Ginsios, etc.

Porm, os fins a que inicialmente a Associao se propunha foram rapidamente alterados. Em reunio conjunta da Associao para o Desenvolvimento e Comisso de Moradores da Quinta do Conde, realizada a 25 de Fevereiro de 1976, decidiu-se que as tarefas de carcter urbanstico ficariam a cargo das Comisses de Moradores, enquanto para a Associao ficava a promoo de desporto, cultura e recreio. Com esta alterao, registada no Dirio da Repblica a 12 de Novembro de 1979, o objectivo passou a ser o seguinte: "A Associao tem por finalidade colaborar na promoo ScioCultural, Recreativa e Desportiva dos moradores da Quinta do Conde, por iniciativas directas ou prestando para o efeito aos organismos oficiais a cooperao que lhe for pedida e permitida, designadamente propondo-lhes planos, estudos e sugestes para a concretizao daqueles objectivos e, em especial a criao de infra-estruturas de interesse colectivo."

Finalmente, por escritura de 22 de Janeiro de 1991, os estatutos foram totalmente alterados e adequados assim como o regulamento interno, s funes de uma Colectividade que promove o desporto, o recreio e a cultura.

 
 
 
dscn0115.jpg

Online

We have 6 guests online